Pecuária

Domingo, 30 de Dezembro de 2018, 09:05

Tamanho do texto A - A+

QUASE 21 MI/CABEÇAS

Terceiro maior rebanho bovino, Pará busca investir em qualidade genética e produção de bezerros

Por: Viviane Petroli

Da Redação Mato Grosso Agro

Foto: Viviane Petroli/Mato Grosso Agro

Acrimat em Ação 2018

 

Detentor do terceiro maior rebanho bovino brasileiro com aproximadamente 20,5 milhões de cabeças e cheio de riquezas, o Pará é um grande produtor de bezerros. Segundo a Associação dos Criadores do Pará, a Acripará, o estado necessita não apenas melhorar a qualidade genética desses bezerros, mas como também a sua produção.

A região Sul do Pará é a principal produtora de gado. É no Pará que está, inclusive, o município com o maior rebanho: São Félix do Xingu. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), São Félix do Xingu detém rebanho de 2,240 milhões de cabeças de gado.

O presidente da Associação dos Criadores do Pará, Maurício Fraga Filho, em entrevista ao Mato Grosso Agro durante a InterCorte São Paulo, em novembro de 2018, pontuou que apesar da pecuária ser mais forte na região Sul do estado, a produção de bezerros está nas mãos de pequenos proprietários.

Foto: Assessoria Estância Bahia

Mauricio Fraga Filho

 

"São bezerros de baixa qualidade e genética. Precisamos fazer um melhoramento grande. Inclusive agora está tendo muita saída de bezerro para exportação, exportação de boi vivo indo para o Egito, principalmente para a Turquia. Nós precisamos trabalhar não somente a melhoria da qualidade genética dos bezerros, como também aumentar a sua produção", comentou Maurício Franga Filho.

Ainda de acordo com Maurício Fraga Filho, a realização de leilões no Pará estão auxiliando na compra e venda dos bezerros. Ele explica que o produtor acaba esbarrando nas mãos de intermediários para adquirir os animais.

"Acho os leilões importante para o nosso estado, pois nos traz o bezerro direto do criador, ou seja, não há a figura do intermediário. Mas, está difícil por essa questão de não ter grandes produtores de bezerros".

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei