Capacitação

Sábado, 09 de Março de 2019, 09:03

Tamanho do texto A - A+

PESQUISA ACADÊMICA

Jornalista mapeia hábitos de mídia das mulheres do agro

Por: Viviane Petroli

Da Redação Mato Grosso Agro

Os hábitos de mídia das mulheres que trabalham no setor do agronegócio estão sendo mapeados pela jornalista Lilian Munhoz em seu trabalho de conclusão do curso de MBA em Agronegócios da Esalq/USP. A pesquisa elaborada para fins acadêmicos busca traçar o perfil das mulheres do agronegócio em relação aos hábitos de consumo de mídia.

O trabalho de conclusão do curso de MBA em Agronegócios da Esalq/USP é realizado pela jornalista sob a orientação da economista Juliana Chini, mestre em gestão internacional e líder de inteligência de marketing da @tech.

A pesquisa, de acordo com a jornalista, traz perguntas sobre os hábitos das mulheres que atuam no agronegócio em relação à forma de se comunicar na internet, nas redes sociais, como utilizam os veículos de comunicação para estarem atualizadas, o que consomem via internet, entre outros.

O objetivo é mapear o perfil de produtoras rurais e profissionais que atuam nas mais diversas áreas do agronegócio, conhecer suas preferências e desenvolver conclusões a respeito de como se comunicam e se informam nos dias de hoje”, explica Lilian Munhoz, que também é editora e apresentadora da TV Terraviva, canal de agronegócios do Grupo Bandeirantes.

Diversas pesquisas que destacam o aumento da participação das mulheres no agronegócio têm crescido, porém na temática abordada por Lilian Munhoz é inédito.

As pesquisas mais recentes são de 2017, que destacam o aumento da participação das mulheres em cargos de gestão e planejamento nas propriedades, mas ainda não há pesquisas que façam uma abrangência sobre os hábitos digitais delas. Além disso, nos dias de hoje, as novas tecnologias mudam constantemente, sendo necessária uma atualização frequente sobre a utilização das novas ferramentas digitais.

A pesquisa pode ser respondida por todas as mulheres acima de 18 anos que atuam com qualquer área relacionada ao agronegócio (Produção Rural, Comunicação, Marketing, Insumos, Logística, Advocacia, Governo, Ensino e Pesquisa, entre outras). São 28 questões de múltipla escolha e duas descritivas. A pesquisa vai estar disponível até o final de julho. Os dados serão divulgados no trabalho de conclusão de curso da jornalista no final de 2019.

Para ter acesso às perguntas e participar da pesquisa “Hábitos de Consumo de Mídia das Mulheres do Agronegócio”, clique aqui: http://bit.ly/2IZDfw5.

Avalie esta matéria: Gostei +2 | Não gostei