Empreendedorismo

Domingo, 04 de Março de 2018, 10:49

Tamanho do texto A - A+

ATOR ESTÁ EM CUIABÁ

Não me vejo como empresário, me vejo como investidor, diz Bruno Gagliasso

Por: Viviane Petroli

Da Redação Mato Grosso Agro

Foto: Manu Rigoni

Loop Bruno Gagliasso

O ator Bruno Gagliasso está em Cuiabá filmando o longa metragem Loop, do cineasta mato-grossense Bruno Bini.

Sucesso na televisão e nos cinemas, o ator Bruno Gagliasso, 35 anos, nos últimos anos tem se embrenhado pelo universo dos negócios. Junto com a sua esposa, a atriz, modelo e apresentadora, Giovanna Ewbank, o ator tem diversificado seus investimentos desde restaurantes e hamburgueria a até mesmo pousada em Fernando de Noronha e salão de beleza. “Eu acho que não me vejo como empresário. Eu me vejo como investidor”, afirma Bruno Gagliasso.

O ator está em Cuiabá desde o final de fevereiro rodando o filme “Loop”, cujo roteiro e direção são assinados pelo cineasta mato-grossense, Bruno Bini, e que conta com produção da Globo Filmes e co-produção da Valkyria Filmes.

Entre uma cena e outra na última sexta-feira, 02 de março, que estava sendo rodada no departamento de Física da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Bruno Gagliasso conversou rapidamente com a reportagem do site Mato Grosso Agro. Questionado sobre o seu lado empreendedor, o ator revelou que “começou na intuição” e que “eu me divirto fazendo”.

Entre os investimentos aos quais Gagliasso é sócio, estão a Burger Joint, uma rede de hamburgueria com quatro unidades entre o Rio de Janeiro e São Paulo, o restaurante Le Manjue Organique que fica em São Paulo, a Pousada Maria Bonita em Fernando de Noronha, o Espaço Gioh, que mistura salão de beleza e barbearia, entre outros.

“A minha profissão é a de ator. Eu acho que não me vejo como empresário, nem como modelo. Eu me vejo como investidor. Eu invisto naquilo que eu acredito, por isso eu tenho os restaurantes, tenho a hamburgueria. Mas, o meu trabalho é o de ator. É o que considero a minha profissão”, disse o ator.

Foto: Paul Mark

Loop Bruno Gagliasso

Segundo Bruno Gagliasso, ele começou a realizar investimentos na intuição e em empreendimentos que ele acredita.

Intuição

Bruno Gagliasso revela que a “intuição” foi o que o levou a empreender. “Eu comecei acreditando em um restaurante que é orgânico. Começou em Fernando de Noronha. Eu conheci um dos sócios que me convidou para comer no restaurante dele e acabei entrando nessa e não parei mais”.

Ao ser perguntado sobre como está sendo empreender hoje no Brasil diante a situação econômica do país, que ainda não retomou seu fôlego, Bruno Gagliasso respondeu achar que “é difícil você lembrar do Brasil sem crise”.

“A gente vive numa eterna crise”, salientou para a reportagem. Na avaliação do ator se for para esperar a crise passar para investir “você não vai investir nunca. Eu acho que nada pode te desmotivar a investir e a entrar em algum negócio. Pelo contrário, tem que usar a crise a seu favor e gerar situações. Gerar oportunidades para você e todo mundo”.

Avalie esta matéria: Gostei +3 | Não gostei