Economia

Sábado, 06 de Julho de 2019, 08:02

Tamanho do texto A - A+

ALTERNATIVA

Previdência privada traz segurança e tranquilidade para o futuro

Por: Viviane Petroli

Da Redação Mato Grosso Agro

São inúmeras as inseguranças quando se pensa em aposentadoria, principalmente diante o momento em que o país discute a reforma da previdência. A busca por uma previdência privada pode ser uma alternativa para incrementar a renda no futuro. De janeiro a abril de 2019 a carteira da previdência privada do Sicredi Centro Norte atingiu R$ 118,878 milhões, incremento de 24,7% sobre os R$ 95,326 milhões do mesmo período de 2018. Hoje, a base de associados com previdência privada chega a 30,7 mil na região.

Segundo o Sicredi Centro Norte, que abrange os estados de Mato Grosso, Rondônia, Pará e Acre, os associados são orientados a planejar não apenas o presente, mas também o futuro a médio e longo prazos.

A gerente de Desenvolvimento de Negócios Pessoa Física da Central Sicredi Centro Norte, Juliana Rodrigues, pontua que O planejamento financeiro vai permitir que a pessoa desfrute do momento atual sem deixar de lado o futuro e ter uma velhice mais tranquila. “Os limites de teto do INSS e até é a incerteza de ter uma aposentaria têm estimulado a procura pela previdência privada, porém ainda são poucas as pessoas que de fato conseguem fazer sua reserva mensal”.

A gerente de Desenvolvimento de Negócios Pessoa Física do Sicredi destaca que na previdência privada existem alguns pontos que precisam ser levados em consideração na escolha de plano.

Para as pessoas que declaram o imposto de renda no modelo completo, a opção mais indicada é o PGBL (Plano Gerador de Benefícios Livres), pois podem se beneficiar com incentivo da dedução fiscal de 12% no pagamento de imposto de renda. Já para quem faz o imposto de renda no modelo simplificado, a orientação é escolher o VGBL (Vida Gerador de Benefícios Livres). “A previdência privada é válida para todos os perfis profissionais, seja trabalhador com carteira assinada, profissionais liberais e principalmente para autônomos, pois se não cuidar deste assunto não contará com nenhuma reserva no futuro”.

Outros pontos a serem observados, além da escolha entre VGBL e PGBL, estão relacionados ao perfil de aplicação, que pode ser conservador, com investimentos em renda fixa, e os perfis moderado e arrojado, conforme a disponibilidade de prazo para a aposentadoria. “Um único indivíduo pode ter esses três perfis de investimento, afinal a diversificação é uma forma de agregar mais rentabilidade à previdência privada”, comenta Juliana.

No Sicredi estão disponíveis aos associados os planos VGBL e PGBL para quem tem perfil conservador, moderado ou arrojado. A previdência privada pode ser iniciada com valores a partir de R$ 50. As contribuições podem ser mensais, anuais ou mesmo eventual.


*Com informações assessoria de imprensa Sicredi Centro Norte.

 

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei

Preencha o formulário abaixo:

Leia mais sobre este assunto: