Agronegócio

Sábado, 21 de Setembro de 2019, 09:53

Tamanho do texto A - A+

ÓUTUBRO

Primeira edição do YAMI destaca a importância do jovem na integração entre campo e tecnologia

Por: Assessoria de Imprensa YAMI

O agronegócio se consolidou como um segmento de alta inovação. E todo este dinamismo nos processos produtivos do campo tem atraído cada vez mais jovens interessados em fazer parte dessa revolução tecnológica, integração que fortalece o setor e contribui com o aumento da produção de forma eficiente e sustentável.

Frente a este cenário o YAMI – Youth Agribusiness Movement International, primeiro congresso para jovens do agronegócio, que será realizado no Transamerica Expo Center, nos dias 08 e 09 de outubro, em São Paulo (SP), abre espaço para debater o atual cenário, mais atrativo para as novas gerações.

De olho em todas essas mudanças, o CNA Jovem, programa que fomenta a liderança empreendedora como ferramenta de construção de pensamentos inovadores, também vem capacitando jovens em técnicas modernas, com a finalidade de produzir um elenco de iniciativas de impacto e propulsão para o agro, que desafie a juventude a alcançar maior protagonismo no setor.

“Na perspectiva dos jovens, temos certeza que o evento promoverá debates que contribuam para alimentar a inquietação que buscam soluções de problemas no agro, ampliará as redes de contatos e a compreensão da realidade do setor como um todo”, explica Natália Sampaio Sene Fernandes, superintendente técnica adjunta do CNA/Senar.

Os jovens não representam apenas o futuro do agronegócio, eles são a realidade. E abrir caminhos para essa geração, conquistar seu espaço e realizar seu trabalho, tem sido o compromisso de várias empresas que visualizam no YAMI uma oportunidade de contribuir para o crescimento dessa demanda.

“A agricultura brasileira do amanhã depende muito dos jovens que se dedicam, acreditam e vivem o agronegócio. A sucessão familiar nas fazendas, e a capacitação dos jovens nos temas de agricultura são fundamentais, e acreditamos que espaços como o YAMI incentivam esse movimento e trazem luz para uma agenda muito positiva”, corrobora Taissara Abdala Martins, gerente de Marketing & Comunicação da Nestlé.

Estabelecida ativamente neste cenário com os Digital Hubs, centros de inovação que colaboram com startups e outras empresas, a Yara acredita que essa integração entre o campo e a tecnologia será o ponto de partida para a transformação na vida dos mais de 570 milhões de fazendeiros que existem ao redor do mundo.

“Durante a YAMI queremos ouvir da nova geração, que está chegando ao agronegócio, quais são seus objetivos, linhas de pensamento e tendências de atuação. Acreditamos que essa troca de experiências será muito benéfica em nossa relação”, explica Germana Anghinoni, especialista de Comunicação da Yara.

Últimos dias para inscrição

A primeira edição do YAMI - Youth Agribusiness Movement International já conta com 90% das inscrições vendidas. O evento, que será realizado no Transamerica Expo Center, na capital paulista, pretende reunir jovens que atuam no agronegócio, para debater o papel e a importância da juventude no crescimento do setor.

Direcionado às pessoas entre 18 e aproximadamente 30 anos, o YAMI contará com a participação de profissionais do setor e de outras áreas, que irão abordar temas de importância para a formação de uma carreira sólida, bem como apresentar tendências do agronegócio para os próximos anos.

Os interessados em participar têm até 30 de setembro para garantir a inscrição pelo site do Congresso yamimovement.com.br.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei